A possibilidade de investir em conhecimentos sobre gestão de empreendimento rural levou cerca de 1.200 agricultores ao Parque de Exposição de Espigão do Oeste, a participar do 2º Seminário Rural. Tecnologia, mercado, legislação, políticas publicas e serviços financeiros foram alguns dos temas discutidos durante os quatro dias de realização do evento. Com o tema “café, pecuária e piscicultura, o 2º Seminário Rural de Espigão de Oeste foi realizado no período de 15 a 18 de junho, com o objetivo de fortalecer os setores produtivos rurais e contribuir para o crescimento econômico do município.

Realizado durante a 14ª Exposição Agropecuária de Espigão do Oeste o 2º Seminário Rural trouxe reuniu agricultores familiares locais, acadêmicos do Instituto Federal de Rondônia (Ifro) e púbico diverso advindo dos municípios a região do Território Rio Machado para assistir palestras e participar das oficinas promovidas simultaneamente ao evento. O primeiro dia, aberto com o tema “cafeicultura”, abordou a ascensão da qualidade do café no estado e trouxe o profissional do estado do espírito Santo, Rogério Souza, especialista em irrigação, para falar sobre o sistema de gotejamento para atividade cafeeira.

A pecuária foi o tema do segundo dia e apresentou aos participantes a importância da atividade e os sistemas a serem trabalhados visando o aumento da produtividade no cenário de risco atual. A pastagem e sua importância para o bom desenvolvimento dos animais foi o tema abordado pelo engenheiro agrônomo de Cuiabá, Bruno Vieira Ramalho, e pelo professor do Ifro, zootecnista Marco Antonio de Oliveira.

A piscicultura, atividade que vem tendo grande procura na região, foi abordada pela professora, Dra. Ana Lucia Gomes da Silva, da Universidade Federal do Amazonas, que falou sobre a sanidade dos peixes em cativeiros. Após a apresentação da professora, o extensionista da Emater, Erick Silva Nogueira, apresentou o projeto de piscicultura da região às autoridades presentes, mostrando dados numéricos alcançados. “É preciso que haja mais união entre os piscicultores na busca de um entreposto de pescado na região, agilizando assim a comercialização”, sugeriu o extensionista.

Foram realizadas: oficinas sobre como controlar meu dinheiro no campo e qualificação profissional aos jovens do campo, incentivando-os a permanecer na propriedade rural e torná-la mais rentável; curso de tratoristas ministrado por Evandro Tonet (Case IH), com a capacitação de 51 participantes; curso de boas práticas no serviço da alimentação, ministrado pelo técnico Joseiracio Dasilva, do Senar, capacitando 16 agricultores rurais envolvidos com agroindústrias no município; e encontro de agroecologia.

Os extensionistas da Emater também tiveram a oportunidade de participar de treinamento realizado em parceria com a Piscigranja Boa Esperança sobre em Sanidade de Peixe. O treinamento foi realizado no laboratório da piscigranja, em Primavera do Oeste, e contou com a participação de 18 extensionistas. Segundo a gerente do escritório local da Emater de Espigão do Oeste, Cristiane, Abid Mundim, os eventos foram muito concorridos e contribuíram para levar informação ao agricultor interessado em investir e aumentar a produtividade e qualidade de sua produção.

O encerramento foi realizado com a participação do diretor-presidente da Emater-RO, Francisco Mende de Sá Barreto Coutinho e do diretor técnico e de planejamento, José de Arimateia da Silva que, na oportunidade, junto com o Sebrae, anunciou e convidou a todos para o 3ª Seminário Rural de Espigão do Oeste, previsto para o inicio do mês de Agosto próximo, quando também será realizada a Festa do Frango e Leite e palestras especificas sobre avicultura e bovinocultura leiteira.

O evento foi realizado pelo governo estadual, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura e organização da Emater-RO, em parceria com a Prefeitura de Espigão do Oeste, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, Sebrae e Câmara Municipal local, com apoio das entidades: Ifro, Real H, Sicoob, Associação Rural de Espigão do Oeste, Sedam, Qualita, Coocaram, Case IH.

O 3ª Seminário Rural de Espigão do Oeste está previsto para o inicio do mês de Agosto próximo, quando também será realizada a Festa do Frango e Leite.

Os eventos foram muito concorridos e contribuíram para levar informação ao agricultor interessado em investir e aumentar a produtividade e qualidade de sua produção.

http://www.emater.ro.gov.br/ematerro/wp-content/uploads/2016/06/12262.jpghttp://www.emater.ro.gov.br/ematerro/wp-content/uploads/2016/06/12262-150x150.jpgEdevilsonNotíciasA possibilidade de investir em conhecimentos sobre gestão de empreendimento rural levou cerca de 1.200 agricultores ao Parque de Exposição de Espigão do Oeste, a participar do 2º Seminário Rural. Tecnologia, mercado, legislação, políticas publicas e serviços financeiros foram alguns dos temas discutidos durante os quatro dias de realização...Entidade Autárquica de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia